24 Novembro    



 

Então Jesus disse aos seus discípulos: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.”

Mateus 16:24

Pensamento: Há uma diferença entre um crente e um discípulo. Ao confessar Jesus, Pedro se mostrou um crente (v. 16). No entanto, ele ainda não compreendia o que era ser um discípulo. Jesus afirmou nestes versículos que ele não somente iria à cruz, mas que este também seria o caminho de cada discípulo. Para alguns vai ser um caminho quase tão árduo quanto a Via Dolorosa. Para outros será bem mais ameno. Da mesma forma que Pedro não quis admitir o que Deus havia posto para Jesus, nós ou nossos amados podemos achar a mesma coisa sobre o caminho que o Senhor traçar para nós. Mas, há uma cruz no caminho de cada Cristão. É nossa e nós precisamos tomá-la. Você já viu a sua? Você já cansou de carregar? A cruz não é algo imposto sobre nós. Não é uma enfermidade ou familiares incômodos. A cruz é algo que nós tomamos voluntariamente no nosso caminhar atrás de Jesus. Se estiver na dúvida sobre a sua, peça a Jesus. Ele lhe mostrará. A sombra da cruz atravessa o caminho de cada discípulo. Você a verá cada vez mais claramente à medida em que você olhar em direção à Luz.

Oração: Meu Senhor, eu sei que não sou inclinado a aceitar a cruz. Isso não é de mim. Mas Jesus me mostrou o caminho e é por este caminho que pretendo andar. Ande comigo, por favor. Ajude-me a ver e a ter a coragem e convicção que preciso para encontrar a minha cruz, levantá-la e seguir o meu Senhor adiante. Em nome de Jesus eu oro e agradeço. Amém. || Está sendo difícil tomar aquela cruz? Veja a imagem de hoje: http://www.iluminalma.com/img/il_mateus16_24.html

Dennis Downing é o autor do devocional diário "Jesus disse...",
Copyright © 2006-2008, Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (Nda Sociedade Bíblica Internacional (www.sbibrasil.org.br), salvo indicação em coário.