20 Setembro    



 

Jesus os advertiu severamente que não contassem isso a ninguém. E disse: “É necessário que o Filho do homem sofra muitas coisas e seja rejeitado pelos líderes religiosos, pelos chefes dos sacerdotes e pelos mestres da lei, seja morto e ressuscite no terceiro dia”.

Lucas 9:21-22

Pensamento: Temos que admirar Jesus. Na mesma conversa ele proibe os discípulos de divulgarem que ele é o Messias, e os adverte em detalhes de tudo que ele terá que sofrer. Aquele que devia ser honrado e glorificado será ignorado e eventualmente morto de forma brutal. Aqueles que mereciam ser julgados, os líderes religiosos, vão continuar sendo honrados e respeitados. Por que Jesus fez isso? Por que ele admitiu sofrer toda esta injustiça? Porque era a única forma pela qual ele poderia alcançar seu objetivo - entregar sua vida e pagar o mais alto preço exigido pelos nossos pecados. Não importa o que fizermos, não há nada que Jesus não possa perdoar, a não ser a recusa de acreditar no amor dEle. Isso sim nos coloca além do alcance dEle. Isso sim consiste num pecado imperdoável, não porque Jesus não quer perdoar, mas, porque nós não conseguimos acreditar. Vendo o que Jesus fez, se você pode acreditar, então você já está dentro do alcance da graça. Creia em Jesus e siga adiante. O resto ele já fez.

Oração: Soberano Deus, como a graça do Senhor é maravilhosa! Quando realmente enxergamos até que ponto Jesus foi para nos salvar, o quanto ele aguentou, não temos como acreditar. Obrigado por esta revelação tão sublime. Que nunca a esqueçamos. Em nome e por amor a Jesus oramos. Amém.

Dennis Downing é o autor do devocional diário "Jesus disse...",
Copyright © 2006-2009, Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (Nda Sociedade Bíblica Internacional (www.sbibrasil.org.br), salvo indicação em coário.